Empresas parceiras

Igushuttle - Destino Iguassu - Passaporte Iguassu - IguFoz - Loumar Turismo
Noite Italiana - Hotel Bella Italia - Águas do Iguaçu Hotel - Bogari Hotel - Iguassu City Tour

contato@clickfozdoiguacu.com.br

(45) 3521-4041

Rua Venanti Otremba, 772. Sala 1.

CEP 85852-020 - Foz do Iguaçu

Paraná - Brasil

© Copyright - 2017 Foznet Soluções Digitais - Todos os direitos reservados.

Anúncio

Foz do Iguaçu

A volta do cassino em Foz do Iguaçu Caso aprovado, Projeto de Lei autoriza a criação de um cassino e uma casa de bingo na cidade

Caso aprovado, Projeto de Lei autoriza a criação de um cassino e uma casa de bingo na cidade


Por: Lauane de Melo

Publicado em:

A Comissão Especial do Desenvolvimento Nacional (CEDN) concluiu no fim do ano passado, votação favorável ao Projeto de Lei do Senado (186/2014), que regulamenta a exploração dos jogos de azar no país. A proposta autoriza o funcionamento de cassinos e bingos, além de legalizar jogos eletrônicos e o jogo do bicho. Ainda este mês, o projeto segue para a análise na Câmara de Deputados e se for aprovado, a lei entrará em vigor após 90 dias da publicação oficial. 

De acordo com o projeto, o Brasil comportará até 35 cassinos e cada estado poderá receber apenas três. Cidades com menos de 150 mil habitantes só poderão ter uma casa de bingo. Para instalar duas unidades, será necessário ter 350 mil moradores, e assim, sucessivamente. Foz do Iguaçu com 250 mil, por enquanto, poderá ter apenas uma. 

Segundo o projeto de lei, os cassinos terão que ser construídos junto a complexos turísticos, feitos especificamente para esse fim, anexos a hotéis de alto padrão e restaurantes. Entre os critérios para a concessão de 30 anos, prorrogáveis por mais 30, estão: o valor do investimento, quantidade de opções de entretenimento e o número de empregos criados, com contratação de mão-de-obra local.

Especialistas dizem que o ambiente político é positivo para a aprovação do PL, pois no momento o governo busca alternativas de impostos para equilibrar as contas.

Nesta segunda-feira, 01º, o presidente do Sindhotéis e do Fundo Iguaçu, Carlos Silva, esteve em Brasília trabalhando para que a lei seja aprovada. De acordo com ele, Curitiba, Foz do Iguaçu e o litoral são os locais mais cotados para ganhar a concessão pelo Estado do Paraná. "A maneira que o projeto está sendo pleiteado é muito boa. Não tenha dúvidas que nós teremos mais um cassino. Hoje, contamos com os do Paraguai e Argentina e agora teremos um brasileiro, para dar mais opção ao turista. Foz terá mais duas fontes espetaculares de visitação, de renda e de benefício social. Tenho certeza que assim que o projeto for aprovado pela presidência, em um ano já teremos um cassino em Foz", afirmou.

O presidente do Conselho Municipal de Turismo (Comtur), Licério Santos,  também acredita que a lei será benéfica para a cidade. "Este é um assunto que nós já vemos debatendo há muito tempo. O cassino é um gerador de emprego limpo e tira as pessoas da margem da criminalidade. Hoje, Foz do Iguaçu tem vantagem ao resto do Brasil, por fazer fronteira com dois países onde os jogos são legalizados. Foz perde em exclusividade, mas ganha com a possibilidade de ter mega empreendimentos, com receita e crescimento para a cidade" ressaltou.

O empresário do setor, Marcelo Valente, acredita que Foz precisa se antecipar para continuar a ter vantagens sobre os outros destinos.  "Até então, como nenhuma cidade brasileira tinha cassino, isso sempre foi um diferencial para nossa região. Uma vez que esta legislação foi levantada e certamente será aprovada, porque o momento é propício, Foz precisa se organizar e se articular para trazer grandes grupos, com jogos e entretenimento", disse.

O superintendente de Comunicação Social da Itaipu, Gilmar Piolla, tem uma opinião mais cautelosa sobre a regulamentação dos jogos de azar no país. Do jeito que o projeto foi aprovado, torna-se desinteressante para Foz do Iguaçu. Não é um projeto que será um grande diferencial para nós. O ideal seria que os cassinos fossem liberados somente em quatro, cinco cidades com grande potencial turístico no país, para ser interessante para Foz. Acredito que mesmo assim, a cidade deve pleitear a possibilidade de instalar um cassino aqui. Não acredito que isso trará um complemento considerável em nosso turismo, até porque nós já temos cassinos aqui na fronteira", finaliza. 

O projeto na íntegra está disponível aqui

A volta do Cassino à Terra das Cataratas – O Hotel Cassino, hoje propriedade do estado do Paraná, que abriga o SENAC, funcionou como cassino até 1946. Com a proibição de jogos no país, o empreendimento passou a atender somente como hotel. Com sua área construída de 1.075 m2, o antigo Hotel Cassino por muitos anos serviu ao turismo de Foz do Iguaçu, tendo hospedado personalidades ilustres como Moisés Lupion, Getúlio Vargas e Juscelino Kubitschek. 

Confira esta entrevista sobre Turismo com o empresário Marcelo Valente:

Recomendado para você

Anúncio

Anúncio da revista D!VA

Anúncio

Anúncio

City Tour Foz do Iguaçu

Anúncio

Categorias

Assine

Logo do ClickFoz