contato@clickfozdoiguacu.com.br

(45) 3521-4041

Rua Venanti Otremba, 772. Sala 1.

CEP 85852-020 - Foz do Iguaçu

Paraná - Brasil

© Copyright - 2017 Foznet Soluções Digitais - Todos os direitos reservados.

Anúncio

Foz do Iguaçu

ACIFI poderá questionar cota de presos na Justiça Esta e outras notícias da Associação Comercial e Industrial de Foz do Iguaçu na coluna semanal

Esta e outras notícias da Associação Comercial e Industrial de Foz do Iguaçu na coluna semanal


Por: Garon Piceli

Publicado em:

Os diretores da Associação Comercial e Industrial de Foz do Iguaçu – ACIFI decidiram na última segunda-feira (24) que a entidade poderá questionar na justiça a lei que obriga as empresas a destinarem uma cota de 5% de presos em seu quadro funcional caso queiram participar de licitações, tomadas de preços, terceirizações, e outros, com a Prefeitura de Foz do Iguaçu. O Projeto de Lei nº 100/20014 foi aprovado na Câmara Municipal no dia 18 deste mês e foi encaminhado à sanção do prefeito Reni Pereira para posterior regulamentação.
 

“A classe empresarial não é contrária às ações de responsabilidade social, tanto que participam desde 2001 de programas como o Pró-Egresso, dentre outros. Mas questionamos a obrigatoriedade dessa contratação para que as empresas possam participar de processos licitatórios”, observou o presidente da ACIFI, Roni Temp. Novamente ele lamentou que a associação não tenha sido convidada a participar das discussões para contribuir com o projeto.

Após ampla discussão entre os diretores, conselheiros e associados, o projeto foi encaminhado ao setor jurídico. Não está descartada a possibilidade de a entidade ingressar com uma ação questionando a sua legalidade, caso seja regulamentada da forma em que o projeto foi aprovado.

“Questionamos se haverá contribuição de organismos públicos a título de incentivo às empresas participarem desse processo; como serão estabelecidos os direitos e obrigações dos ex-presos contratados pelas empresas; quem vai arcar com as despesas da capacitação dessa mão-de-obra, dentre outros pontos que precisam ser esclarecidos”, enumerou o presidente da ACIFI. Outra dúvida é sobre os benefícios da lei em relação aos trabalhadores porque, com a obrigatoriedade da contratação dos egressos poderá haver demissões dos atuais funcionários.

Uma das propostas da ACIFI é que a lei seja revista antes de ser regulamentada. “Gostaríamos de contribuir para o aprimoramento dessa proposta”, reiterou. Uma das sugestões surgiu durante a reunião deliberativa. “Que a contratação de ex-presos seja considerada um bônus em favor da empresa que disputa a licitação, como por exemplo, um critério de desempate”, finalizou.
__

Núcleos de Tecnologia da Informação e Mulheres Empresárias definem ações para 2014

Mais dois – dos nove núcleos em atividade no Programa Empreender desenvolvido pela ACIFI – concluíram o planejamento estratégico de suas atividades em 2014. O Núcleo da Mulher Executiva e Empresária pretende intensificar a troca de experiências e informações entre as participantes sobre gestão de empresas. Elas pretendem criar uma rede de cooperação mútua para identificar e compartilhar informações relacionadas a orientação ao crédito, recursos e financiamentos disponíveis nas cooperativas de crédito e instituições financeiras. Quanto à capacitação, elas pretendem dar continuidade à implementação do plano de marketing com base no curso realizado no ano passado. Entre outras ações, o Núcleo das Mulheres é responsável pelo Jantar do Empresário, evento consolidado e que terá nova edição em agosto.
 


TI
– O planejamento do Núcleo de Tecnologia da Informação (TI) prevê atividades de fortalecimento do mercado e eventos de capacitação, incentivo e recolhimento de lixo eletrônico, que serão divulgados no decorrer do ano. Em 2014, os nucleados também pretendem intensificar a parceria com o Codefoz (Conselho de Desenvolvimento Econômico e Social de Foz do Iguaçu), por meio da Câmara Técnica de Integração Tecnológica. Outra estratégia é a aproximação com o Sebrae PR e o Arranjo Produtivo Local (APL) de TI do oeste, que reúne empresas de Foz do Iguaçu, Cascavel, Marechal Cândido Rondon, Medianeira e Toledo.
__

ACIFI forma novos auditores internos da Qualidade

Com o objetivo de realizar auditorias para verificação da eficácia do Sistema de Gestão da Qualidade, sete colaboradores da ACIFI (Associação Comercial e Empresarial de Foz do Iguaçu) estão sendo capacitados como Auditor Interno da Norma ISO 9001. Profissionais de diversas áreas da ACIFI participam do treinamento que segue até a próxima sexta-feira (dia 28).

O curso está sendo conduzido pelo Auditor Líder e consultor em gestão da qualidade, Fábio Barbosa, e atende a necessidade da entidade na formação de pessoal interno para realizar auditorias internas da qualidade, cumprindo os requisitos da norma ISO 9001. Eles estão reforçando os conhecimentos sobre a norma: técnicas de auditoria, planejamento, relatórios e avaliação. A turma também participa de uma oficina de Redação de Não-Conformidades. Após os cursos haverá dois dias de auditoria interna sob a supervisão do consultor.

Segundo a coordenadora operacional da ACIFI, Natalia Fuentes, a ISO 9001, é uma dentre as normas da série de sistemas de gestão da qualidade. Ela ajuda a alavancar o melhor de sua organização ao permitir entender seus processos e melhorá-los continuamente. A ACIFI é certificada desde 2011, sempre preocupada com a qualidade dos serviços oferecidos pela entidade e os processos que suportam esse atendimento. As auditorias são bimestrais, com a finalidade de avaliar os processos, indicadores e resultados da entidade. “A certificação fez toda a diferença, pois são poucas associações empresariais do Brasil que conquistaram a ISO", afirma Natalia.

___

A ACIFI atua em Foz do Iguaçu com foco na prestação de serviços,
promovendo a cultura do associativismo e o desenvolvimento local ou setorial.
Telefone: (45) 3521-3300

 

Recomendado para você

Anúncio

Promoção natal ACIFI

Anúncio

Anúncio

Anúncio

Anúncio da revista D!VA

Categorias

Anúncio

City Tour Foz do Iguaçu

Assine

Logo do ClickFoz