Empresas parceiras

Igushuttle - Destino Iguassu - Passaporte Iguassu - IguFoz - Loumar Turismo
Noite Italiana - Hotel Bella Italia - Águas do Iguaçu Hotel - Bogari Hotel - Iguassu City Tour

contato@clickfozdoiguacu.com.br

(45) 3521-4041

Rua Venanti Otremba, 772. Sala 1.

CEP 85852-020 - Foz do Iguaçu

Paraná - Brasil

© Copyright - 2017 Foznet Soluções Digitais - Todos os direitos reservados.

Anúncio

Foz do Iguaçu

Brasil vence o Chile e segue invicto no Pan-Americano Competição masculina de handebol segue até este sábado, 28, em Foz do Iguaçu

Competição masculina de handebol segue até este sábado, 28, em Foz do Iguaçu


Por: Lauane de Melo

Publicado em:

A Seleção Brasileira enfrentou o seu maior desafio até aqui no Pan-Americano Júnior Masculino de Handebol. Diferente dos dois primeiros jogos, em que venceu com tranquilidade, o Chile resistiu com bravura e chegou a jogar melhor em determinado momento da partida. Porém, com a força da torcida, que marcou presença no Ginásio Costa Cavalcanti, em Foz do Iguaçu, a Seleção venceu os chilenos por 30 a 21 (14 a 12 no primeiro tempo). O artilheiro da partida foi o armador direito Gustavo Rodrigues, com sete gols.

Foto: Santiago Russo/Photo&Grafia
Nesta sexta-feira, 27, o Brasil enfrentará o Paraguai; Partidas estão sendo disputadas no Costa Cavalvanti e são gratuitas ao público

O Chile começou melhor no jogo e, com jogadas rápidas, conseguiu se infiltrar na defesa brasileira por muitas vezes. A Seleção sofreu também com o excesso de exclusões por dois minutos, o que deixou o Chile em vantagem no placar mais da metade do primeiro período. O Brasil só conseguiu passar o adversário aos 21 minutos, em contra-ataque puxado pelo ponta esquerda Cleber Andrade. Mais calmo com a vantagem, a Seleção fechou a primeira etapa em 14 a 12.

No segundo tempo, assim como no jogo anterior, o técnico Hélio Justino Lisboa, o Helinho, voltou com a defesa 6-0 e freou o ímpeto chileno que, com jogadores mais baixos, não conseguiu mais passar pelo muro montado na frente da área brasileira. Com a defesa forte, o Brasil criou muitos contra-ataques, conseguiu ampliar o marcador e fechou a partida em 30 a 21.

Para o técnico Helinho, a agilidade dos chilenos foi o principal fator da mudança da defesa brasileira no segundo tempo. "Estávamos perdendo nas jogadas individuais, o time deles é muito rápido. Como temos a opção de fazer uma defesa alta, voltamos assim para o segundo tempo e fechamos os espaços que o Chile estava aproveitando", disse.

O treinador chileno, Gerardo Reyes, elogiou a postura da equipe. "Fizemos um primeiro tempo equilibrado. Optamos por um jogo muito rápido por ter um time baixo e os atletas se entregaram ao máximo, mas não tiveram fôlego para manter o ritmo. No segundo, com a defesa alta, o Brasil bloqueou as nossas investidas", declarou.

Já o artilheiro da partida, Gustavo, exaltou a paciência da equipe para reverter o placar negativo no começo do jogo. "Já esperávamos uma partida dura, mas fomos surpreendidos. Foi a primeira vez que ficamos atrás do marcador neste torneio, mas é uma coisa que acontece com qualquer time. O importante é que tivemos paciência de buscar o resultado", disse.

Gols – Gustavo Rodrigues (7), Rudolph Hackbarth (5), Thiago Ponciano (3), Cleber Andrade (3), Gabriel Nascimento (2), Leonardo Santos (2), Felipe Santaela (2), Haniel Langaro (2), Gabriel Ceretta (2), Rogério Ferreira (1), Acácio Moreira (1).

Tabela

Terça-feira (24)
Chile 33 x 25 Paraguai
Argentina 31 x 16 Uruguai
Brasil 48 x 09 Peru

Quarta-feira (25)
Paraguai 15 x 37 Argentina
Peru 9 x 41 Chile
Uruguai 21 x 37 Brasil

Quinta-feira (26)
Argentina 46 x 12 Peru
Uruguai 25 x 20 Paraguai
Brasil 30 x 21 Chile

Sexta-feira (27)
15h – Uruguai x Peru
17h – Chile x Argentina
19h – Paraguai x Brasil

Sábado (28)
15h – Paraguai x Peru
17h – Chile x Uruguai
19h – Brasil x Argentina

 
 

Recomendado para você

Anúncio

Anúncio da revista D!VA

Anúncio

Anúncio

City Tour Foz do Iguaçu

Anúncio

Categorias

Assine

Logo do ClickFoz