contato@clickfozdoiguacu.com.br

(45) 3521-4041

Rua Venanti Otremba, 772. Sala 1.

CEP 85852-020 - Foz do Iguaçu

Paraná - Brasil

© Copyright - 2017 Foznet Soluções Digitais - Todos os direitos reservados.

Anúncio

Foz do Iguaçu

Brasileiro de Motocross promete grandes disputas em Foz do Iguaçu Completa, Equipe Honda Mobil de Motocross tenta vitória nas principais categorias da competição: MX1 e MX2

Completa, Equipe Honda Mobil de Motocross tenta vitória nas principais categorias da competição: MX1 e MX2


Por: Garon Piceli

Publicado em:

O Campeonato Brasileiro de Motocross ganha ares de decisão com a sétima e penúltima etapa da competição neste fim de semana (19 e 20), em Foz do Iguaçu. A cidade paranaense recebe pelo quinto ano consecutivo o campeonato, que terá provas em dez categorias (MX1, MX2, MX3, MX4, MXF, 230 Nacional, Júnior, 65cc, 50cc A e 50cc B) e mais de 250 pilotos de diversas partes do país e estrangeiros.

Nas principais categorias, título em aberto e expectativa de pegas alucinantes. O português Paulo Alberto, da Equipe Honda Mobil de Motocross, lidera a MX2 com 266 pontos, dez a mais que o companheiro e vice-líder Thales Vilardi. “Temos mais uma etapa importante, que não posso cometer nenhum erro. Eu e o Thales estamos bem e o fim de semana vai ser bem legal. Quero vencer e manter a diferença para ele”, coloca Paulo.

Para Thales, a ordem é chegar à frente do português. “Tenho treinado forte para voltar a vencer. Com tranquilidade, espero conquistar um bom resultado e retornar ao primeiro lugar”, afirma.

Na MX1, a primeira colocação é dividida por dois pilotos. O inglês Adam Chatfield, satélite Honda da Vulcano Ipiranga IMS, é o segundo no critério de desempate, com o mesmo número de pontos (243) do rival Jorge Balbi Júnior.
 

Foto: VIPCOM
Thales Vilardi, piloto da Equipe Honda Mobil de Motocross na categoria MX2 do Brasileiro de Motocross 2013

Quem promete dar trabalho na categoria é Joaquim Rodrigues, da Equipe Honda Mobil, que chega empolgado após vencer a quarta etapa do Arena Cross, em Recife (PE). “A vitória no Arena me deu um ânimo extra. É bom para ganhar confiança. A diferença é um pouco grande para os líderes, mas vou tentar a vitória”, comenta o português, quarto colocado com 208 pontos.

Em quinto lugar, Wellington Garcia espera melhorar sua posição no campeonato. O goiano possui 190 pontos na classificação geral da categoria com motos de 450 cilindradas. “Tive alguns imprevistos ao longo da competição e perdi pontos importantes. Espero recuperá-los e terminar o campeonato bem, claro tentando ficar entre osprimeiros”, completa.

Ingressos
– Há entrada válida para os dois dias através do setor arquibancada geral, com o valor de R$ 15, adquirida apenas de forma antecipada, e somente para domingo, com valor de R$ 10, também de forma antecipada. Os ingressos estão à venda na concessionária Honda Motec, em Foz do Iguaçu. Quem adquirir o ingresso na bilheteria do evento, para sábado custará R$ 10 e domingo R$ 15.

Já a credencial de box, válida para os dois dias e com acesso à arquibancada e adesivo de estacionamento no box setor B, o valor é de R$ 40. Somente adesivo de estacionamento no box setor B custa R$ 20 (lembrando que o indivíduo deve portar a credencial de box, mesmo adquirindo apenas este pacote).

A Equipe Honda Mobil de Motocross tem o patrocínio da Pirelli e IMS, e co-patrocínio Vulcano, DRD e Oakley.

Classificação MX1 após seis etapas
1º Jorge Balbi Júnior 243 pontos
2º Adam Chatfield 243 pontos
3º Carlos Campano 226 pontos
4º Joaquim Rodrigues 208 pontos
5º Wellington Garcia 190 pontos

Classificação MX2 após seis etapas

1º Paulo Alberto 266 pontos
2º Thales Vilardi 256 pontos
3º Dudu Lima 219 pontos
4º Hector Assunção 182 pontos
5º Anderson Cidade 179 pontos

Programação etapa
:
Sábado (19/10)
Treinos Livres:
7h40 às 07h55 – MX4
8h às 8h15 – 65cc
8h20 às 8h35 – 230 Nacional
8h40 às 8h55 – 50cc A e B
9h às 9h30 – MX2
9h35 às 9h50 – MXF
9h55 às 10h25 – MX1
10h30 às 10h50 – MX3
10h55 às 11h15 – Júnior

Treinos Cronometrados:
11h45 às 12h – MX4
12h05 às 12h20 – 65cc
12h25 às 12h40 – 230 Nacional
12h50 às 13h05 – 50cc A e B
13h10 às 13h40 – MX2
13h45 às 14h – MXF
14h05 às 14h35 MX1
14h40 às 15h – MX3
15h05 às 15h35 – Júnior

Provas:
15h50 MX4 (15min + 2 voltas)
16h20 – 65cc (15min + 2 voltas)
16h50 – 230 Nacional (15min + 2 voltas)

Domingo (20/10)
Warm up:
9h às 9h15 – MX3
9h20 às 9h35 – MXF
9h40 às 9h55 – MX2
10h às 10h15 – 50cc A e B
10h20 às 10h35 – MX1
10h40 às 10h55 – Júnior

Provas:
11h – MXF (15min + 2 voltas)
11h30 – 50cc A e B (10min + 2 voltas)
12h – Abertura oficial
12h30 – 1ª Bateria MX2 (30min + 2 voltas)
13h15 – 1ª Bateria MX1 (30min + 2 voltas)
14h – Júnior (20min + 2 voltas)
15h – MX3 (20min + 2 voltas)
16h – 2ª Bateria MX2 (30min + 2 voltas)
17h – 2ª Bateria MX1 (30min + 2 voltas)

Recomendado para você

Anúncio

Rodízio de massas - Noite Italiana

Anúncio

Curso de Porcelanato Liquido

Anúncio

Anúncio

Anúncio

Anúncio da revista D!VA

Categorias

Anúncio

City Tour Foz do Iguaçu

Assine

Logo do ClickFoz