Empresas parceiras

Igushuttle - Destino Iguassu - Passaporte Iguassu - IguFoz - Loumar Turismo
Noite Italiana - Hotel Bella Italia - Águas do Iguaçu Hotel - Bogari Hotel - Iguassu City Tour

contato@clickfozdoiguacu.com.br

(45) 3521-4041

Rua Venanti Otremba, 772. Sala 1.

CEP 85852-020 - Foz do Iguaçu

Paraná - Brasil

© Copyright - 2017 Foznet Soluções Digitais - Todos os direitos reservados.

Anúncio

Foz do Iguaçu

Câmara de Vereadores de Foz do Iguaçu suspende votação de PL enviado pela Prefeitura Projeto prevê a extinção dos cargos de merendeira e agente de apoio operacional e acatou uma decisão judicial, enviada pelo Sismufi

Projeto prevê a extinção dos cargos de merendeira e agente de apoio operacional e acatou uma decisão judicial, enviada pelo Sismufi


Por:

Publicado em:

 

Na manhã desta terça-feira (26) foi realizada uma sessão extraordinária no plenário da Câmara de Vereadores de Foz do Iguaçu, para apreciação do Projeto de Lei nº 21/2013, encaminhado pela Prefeitura, que trata sobre da reorganização das carreiras funcionais dos servidores públicos. Merendeiros, agentes de apoio operacional e auxiliar de serviços gerais lotaram o plenário do Legislativo, para acompanhar a sessão.

 

Foto: Assessoria Câmara de Vereadores
Servidores públicos lotaram o plenário da Câmara de Vereadores de Foz do Iguaçu na manhã desta terça-feira (26)

 

O PL, de autoria da Prefeitura, prevê a extinção dos cargos de Agente de Apoio Operacional e de Merendeiro nas Classes I e II, visando, na sequência, a terceirização do serviço. Mas a discussão e votação do projeto foi suspensa, em virtude de um mandado de segurança, impetrado pelo Sindicato dos Servidores Municipais de Foz do Iguaçu – SISMUFI, pedindo a interrupção da votação do projeto, baseado no não cumprimento do Art. 96 da Lei Municipal n°1997/96, que diz: “Esta Lei poderá ser revista ou alterada, a qualquer tempo, desde que ouvidos previamente os órgãos representativos dos servidores. (Redação acrescida pela Lei n°3940/2011)”.

Atendendo à solicitação do Sindicato, o Juiz de Direito – Rodrigo Luiz Giacomin aceitou o pedido e determinou que os Poderes Legislativo e Executivo fossem notificados em caráter de urgência, suspendendo, assim, a votação da matéria em questão. A decisão do judiciário foi lida no Expediente da sessão de hoje e, em seguida, o Presidente da Câmara relatou à população o trâmite do PL até agora. “Esse projeto entrou na Casa de Leis, mas ainda não passou pela análise das Comissões da Câmara, o que é necessário antes de ser discutido em Plenário”, ressaltou Zé Carlos.

Ao final da reunião, o líder do Executivo na Câmara – Vereador Luiz Queiroga (DEM), sugeriu que houvesse um diálogo entre o Sismufi e os Vereadores, a fim de compreender as posições dos envolvidos no processo.  A partir de agora, a Câmara Municipal deve encaminhar ao Poder Judiciário, dentro de 10 dias, as informações referentes ao andamento do Projeto na casa. 
 

Recomendado para você

Anúncio

Anúncio da revista D!VA

Anúncio

Anúncio

City Tour Foz do Iguaçu

Anúncio

Categorias

Assine

Logo do ClickFoz