contato@clickfozdoiguacu.com.br

(45) 3521-4041

Rua Venanti Otremba, 772. Sala 1.

CEP 85852-020 - Foz do Iguaçu

Paraná - Brasil

© Copyright - 2017 Foznet Soluções Digitais - Todos os direitos reservados.

Anúncio

Foz do Iguaçu

De olho na Copa do Brasil, atletas da canoagem retomam treinos no Canal Itaipu 1ª Etapa da Copa do Brasil de Canoagem Slalom acontece no fim do mês

1ª Etapa da Copa do Brasil de Canoagem Slalom acontece no fim do mês


Por: Leca

Publicado em:

Atletas da canoagem fizeram na manhã desta terça-feira (2) o primeiro treino no Canal Itaipu após cinco meses de prática apenas em água parada, devido às obras no Canal. Os atletas terão pela frente uma preparação intensa para tirar o atraso e fazer bonito na Seletiva Nacional e 1ª Etapa da Copa do Brasil de Canoagem Slalom, que será realizada em Cerquilho (SP), nos dias 26 a 28 de abril.

Foto: JIE
Nesta manhã, atletas quebraram o jejum de cinco meses de treino no Canal Itaipu.

 

Para o técnico Ettore Ivaldi, retomar os treinos nas corredeiras era fundamental. Apesar do pouco tempo até a Copa, ele está confiante. “O clima está ajudando, já que não faz mais tanto calor. E Cerquilho é um circuito relativamente fácil. Agora, nosso planejamento é de mais longo prazo, visando o Mundial Sub-23 em 2015 e a Olimpíada em 2016. Por isso, o importante é não parar mais”, afirmou.

Foto: JIE
Técnico Ettor Ivaldi orienta atletas no primeiro treino após a reabertura do Canal

O superintendente da Confederação Brasileira de Canoagem, Argos Rodrigues, também comemorou a reabertura do Canal. Segundo ele, a expectativa é que as modificações feitas pela Itaipu na tomada d’água, junto ao reservatório, permitam treinar de forma ininterrupta, mesmo durante os períodos de estiagem.

Foto: JIE
 Argos Rodrigues, da CBCA: com as modificações feitas por Itaipu, expectativa de treinamento ininterrupto.

 

Para Pedro Henrique Gonçalves, o Pepê, canoísta de 19 anos da categoria K1 e uma das promessas da Seleção Brasileira, treinar de forma ininterrupta é uma das condições essenciais para se obter medalha. “No inverno, quando os rios congelam na Europa, os canoístas de lá vão para a Austrália para não perder o ritmo”, lembrou. “Treinando na água parada, você consegue manter a parte física, mas agora temos que recuperar o tempo perdido na parte técnica”, completou.

Foto: JIE
Pedro Henrique, o Pepê: temos que acompanhar o ritmo dos europeus.

 

Os gêmeos Wallan e Weltton de Carvalho, de 15 anos e competidores na categoria K2, garantem que estavam ansiosos para retomar as remadas no Canal Itaipu. Treinando de segunda a sexta-feira, pela manhã e à tarde, eles agora têm a expectativa de não parar mais pelo menos até o Campeonato Mundial Sub-23, em 2015. “O que a gente quer mesmo é aproveitar o Canal o ano inteiro”, disse Wallan.

Foto: JIE
 Wallan e Weltton matando as saudades das corredeiras.

 

Inaugurado em 2002, o Canal Itaipu é uma das melhores pistas de canoagem do mundo. Ali, a Itaipu desenvolve, em parceria com a CBCa, o projeto Meninos do Lago, com objetivo de promover a inclusão social e a formação de cidadãos por meio da prática esportiva.

Em 2012, o Canal Itaipu foi sede do Pan-Americano de Canoagem Slalom, que definiu as últimas vagas do continente americano para as Olimpíadas de Londres. A pista de Itaipu, nos últimos anos, também sediou outros torneios importantes, como brasileiros e mundiais de canoagem.

O canal de competições é alimentado pelo mesmo sistema do Canal da Piracema, que tem 10 quilômetros de extensão e permite aos peixes do Rio Paraná vencerem o desnível de 120 metros entre as águas abaixo e acima da barragem da Itaipu.

Recomendado para você

Anúncio

Rodízio de massas - Noite Italiana

Anúncio

Anúncio

Assine

Categorias

Anúncio

City Tour Foz do Iguaçu

Anúncio

Anúncio da revista D!VA
Logo do ClickFoz