contato@clickfozdoiguacu.com.br

(45) 3521-4041

Rua Venanti Otremba, 772. Sala 1.

CEP 85852-020 - Foz do Iguaçu

Paraná - Brasil

© Copyright - 2017 Foznet Soluções Digitais - Todos os direitos reservados.

Anúncio

Educação em Foz do Iguaçu

Educação receberá 27% de recursos da receita total do município Números foram apresentados pela secretaria da Fazenda nesta sexta, 24

Números foram apresentados pela secretaria da Fazenda nesta sexta, 24


Por: Assessoria

Publicado em:

Foto: Arquivo

Foto: Arquivo

A secretaria da Fazenda apresentou no plenário da Câmara Municipal o relatório das metas fiscais do município. A receita total do município em 2016 foi de R$ 837 milhões, valor é 6% superior à meta prevista, que era de R$ 787 milhões. Do montante, o município gastou R$ 806 milhões e ainda mantém a dívida de R$ 72 milhões, sem incluir as dívidas com o Hospital Municipal.

De acordo com o secretário da fazenda, Erton Neuhaus, houve um repasse inferior ao que a legislação solicita (25%) para a educação. “Na educação nós tivemos um superávit no ano anterior, em decorrência de um excedente que ficou de 2015 e de acordo com a legislação tivemos que gastar em 2016, como era do ano anterior, foi necessário excluir ele da base de cálculo para apurar os 25%, isso deu R$ 4 milhões”, explicou.

Além da diferença vinda de 2015, a educação também teve uma licitação para compras de equipamentos para atingir os 25%, entretanto, por problemas técnicos não pôde ser concluído. “Tivemos R$ 9 milhões que saíram do somatório para fins do índice da educação e consequentemente tivemos uma falta de R$ 8,4 milhões. Por conta disso, ao invés de atingir os 25% que a constituição exige, chegamos a 23,06%, a diferença disto, segundo o que determina a legislação, será gasto esse ano”, acrescenta.

A diferença dos valores já foi aplicada em 2017, nos dois primeiros meses do ano. “Começamos agora a preocupação em gastar os 25% de 2017, para isso será feito um acompanhamento junto à secretaria de Educação, para chegar ao fim do ano com a meta concluída”, disse Erton.

Os 25% repassados para educação representam a quantia aproximada de R$ 200 milhões. Com o valor são pagos os salários dos servidores, encargos, custeios normais como merenda, transporte escolar, energia e telefone.

Saúde

Já na saúde o investimento é superior ao indicado pela legislação (15%). Em 2016 total foi de 31%, representando cerca de R$ 230 milhões. De acordo com o secretário da Fazenda, o montante deve se repetir em 2017. “Os investimentos têm se comportado assim ao longo dos últimos anos, acredito que fique nesse patamar também neste ano”.

Recomendado para você

Anúncio

Anúncio

Anúncio

Anúncio

Anúncio

City Tour Foz do Iguaçu

Anúncio

Parceria

Categorias

Anúncio

Rodízio de massas - Noite Italiana
Logo do ClickFoz