contato@clickfozdoiguacu.com.br

(45) 3521-4041

Rua Venanti Otremba, 772. Sala 1.

CEP 85852-020 - Foz do Iguaçu

Paraná - Brasil

© Copyright - 2017 Foznet Soluções Digitais - Todos os direitos reservados.

Anúncio

Foz do Iguaçu

Enchente, desabrigados e prejuízos serão pauta de audiência pública na Câmara Reunião pública acontece na quarta-feira, dia 13 de março, às 10 horas, no Plenário da Casa de Leis

Reunião pública acontece na quarta-feira, dia 13 de março, às 10 horas, no Plenário da Casa de Leis


Por: Leca

Publicado em:

 
 
Preocupado com os problemas constantes que enfrenta e sofre a comunidade atingida por alagamentos e enchentes em períodos de chuvas, o vereador Zé Carlos chama para Audiência Pública os órgãos competentes, representantes comunitários e poderes constituídos para discussão da situação, a fim de apontar soluções. O problema é antigo e se torna mais delicado com o aumento na produção de lixo, uma vez que o destino incorreto dos resíduos compromete bueiros e bocas-de-lobo, o que contribui para agravar situação de famílias que buscam na beira do rio seu lugar de moradia. O resultado disso é o agravamento do fenômeno urbano intitulado “cinturão da pobreza”.

Foto: Divulgação AMN
Enchentes serão tema da audiência pública, marcada para a próxima quarta-feira, 13, na Câmara Municipal

 

No início do ano, uma forte chuva deixou desabrigados e mobilizou a comunidade iguaçuense em busca de doações. Na Rua Teixeira, no Jardim Alice, por exemplo, uma casa caiu com a força da água. No local, três famílias foram retiradas e levadas para um abrigo. A Guarda Municipal e Defesa Civil foram deslocadas aos pontos mais críticos para prestar atendimento às vítimas de enchentes às margens do Rio Boicy. Além disso, Foram registradas chamadas de emergência em vários pontos da cidade: Parque Presidente, Portal da Foz, Campos do Iguaçu e Jardim Primavera.
 
De acordo com a Defesa Civil, o saldo negativo dos temporais em Foz do Iguaçu foi de: 400 pessoas afetadas, 100 casas danificadas, 200 desalojados e 25 desabrigadas. “Vale lembrar do sofrimento que centenas de famílias viveram no início do ano e agora no mês de fevereiro quando outras dezenas ficaram desabrigadas, atingidas por um forte temporal. Muitas moradias – ocupações- ficam às margens de rios e córregos que cortam a cidade. Em alguns casos, os moradores precisaram ser resgatados pelo Corpo de Bombeiros. Os comerciantes e trabalhadores também são atingidos. Estive na av. JK e o problema é sério e constante. Tem comerciante que me disse que vai devolver o barracão alugado, porque não consegue arcar com os prejuízos. Outro, como da D’Paschoal, amarga prejuízos constantes, pois o rio não dá vazão e a loja fica alagada, equipamentos de balanceamento e montadora de pneus ficam submersos, portões são arrancados causando prejuízos e alagamento em toda a loja. Essa realidade tem que mudar!", destaca o vereador Zé Carlos.
 
A participação do público é importante, e os interessados em fazer uso da tribuna, terão espaço para se expressar mediante inscrição prévia pelo telefone (45) 3521-8158, através do fornecimento de nome completo, nome do órgão/entidade que representa e descrição do assunto especifico a ser abordado.
 
A Audiência Pública foi aprovada por unanimidade e acontece na quarta-feira, dia 13 de março, às 10 h, no Plenário da Câmara -Travessa Oscar Muxfeldt, nº 81 – Centro.
 

Recomendado para você

Anúncio

Rodízio de massas - Noite Italiana

Anúncio

Anúncio

Anúncio

Anúncio da revista D!VA

Categorias

Anúncio

City Tour Foz do Iguaçu

Assine

Logo do ClickFoz