contato@clickfozdoiguacu.com.br

(45) 3521-4041

Rua Venanti Otremba, 772. Sala 1.

CEP 85852-020 - Foz do Iguaçu

Paraná - Brasil

© Copyright - 2017 Foznet Soluções Digitais - Todos os direitos reservados.

Anúncio

Foz do Iguaçu

Enfim, as mordaças estão caindo…


Por: Lauane de Melo

Publicado em:

O craque de futsal Falcão, que já esteve em Foz do Iguaçu participando de amistosos, anunciou nesta quinta-feira, 20, que não jogará mais pela seleção brasileira. Bicampeão mundial com a amarelinha e eleito quatro vezes o melhor jogador do mundo na modalidade, o atleta alegou problemas com a Confederação Brasileira de Futsal. “Não sou eu que estou com problemas, são todos os jogadores. Não jogo mais na seleção”, disse Falcão.

O camisa 12 e outros atletas montaram um dossiê contra a atual gestão da entidade, criticando vários pontos da instituição. Mesmo, com o desentendimento com o órgão, o atleta garantiu que não está abandonando as quadras e que continua defendendo o Sorocaba, seu atual clube.
 

 
Espero que todas as áreas consigam se libertar de seus cartolas

Bom, contei toda a historinha porque esta notícia é de hoje e algumas pessoas poderiam não entender do que se trata o artigo desta quinta-feira, 20.

Enfim, os atletas brasileiros começam a quebrar as correntes e se desvincularem dos "nossos queridos" cartolas. Desde o ano passado, por exemplo, acompanhamos a saga do Bom Senso F.C., onde os jogadores de futebol de campo questionam cláusulas de seus contratos e lutam por melhores condições de trabalho. 

Aí muita gente pode pensar. “Que melhores condições de trabalho. Estes caras ganham fortunas para apenas jogarem bola”. Eu até concordo. Mas, cada um é livre para escolher a profissão que quiser. Então, deve ser respeitado por sua opção e estar aparado legalmente para que a exerça com dignidade.

Isso não deve ocorrer apenas no futebol, mas, em qualquer carreira. Como todos devem saber, houve um caso bem desagradável esta semana aqui em Foz do Iguaçu contra um jornalista. Este, também, deveria ter sido tratado com respeito pela autoridade, o que não aconteceu. Sim meus caros, os cartolas estão espalhados por aí, escondidos dentro de várias máscaras.

Mas, seja você atleta, jornalista, açougueiro, serviços gerais ou advogado, o importante é não se calar diante das adversidades. Temos sim que enfrentarmos o sistema, independente do tamanho da batalha que nos aguarda.  Cartolas aprendam: não importa o setor que você esteja inserido, seus “súditos” pensam, logo existem. Por isso, “motins” como estes só me fazem acreditar que enfim, as mordaças estão caindo.

 

 

 

 

 

    Lauane de Melo é repórter do Clickfoz e editora
    de imagens da Rede Massa. Para interagir com a 
    jornalista, siga ela no Twitter e no Facebook.

 

 

 

 
 

Recomendado para você

Anúncio

Rodízio de massas - Noite Italiana

Anúncio

Anúncio

Anúncio

Anúncio da revista D!VA

Categorias

Anúncio

City Tour Foz do Iguaçu

Assine

Logo do ClickFoz