contato@clickfozdoiguacu.com.br

(45) 3521-4041

Rua Venanti Otremba, 772. Sala 1.

CEP 85852-020 - Foz do Iguaçu

Paraná - Brasil

© Copyright - 2017 Foznet Soluções Digitais - Todos os direitos reservados.

Anúncio

Foz do Iguaçu

Estádio do ABC pode ter ligação com desvio de dinheiro público em Foz do Iguaçu Comissão de Inquérito da Associação Plena Paz continua

Comissão de Inquérito da Associação Plena Paz continua


Por: Garon Piceli

Publicado em:

Em terceira reunião a fim de apurar informações sobre a Associação Plena Paz e esquema de corrupção envolvendo desvio de verba pública, a Comissão de Inquérito, formada por Hermógenes de Oliveira (PMDB), Edson Narizão (DEM), Paulo Rúbio (PDT), Edílio Dall’Agnol (PSB) e Zé Carlos (PMN), ouviu na manhã de quarta-feira (30) o Chefe da Divisão de Proteção Especial de Alta Complexidade da Secretaria Municipal de Assistência Social, Miguel Dal’Olmo de Campos. Enquadram-se na Divisão de Alta Complexidade instituições de abrigo de crianças e adolescentes, onde se encaixa a Associação Plena Paz, ou de idosos, como é o caso do Lar dos Velhinhos.

Já no início, Miguel se colocou à disposição dos vereadores, abrindo mão do depoimento livre e seguindo direto para as perguntas da Comissão.
 
Foto: CMFI
O servidor Miguel Dal’Olmo fala na plenária

Dal’Olmo disse não ter conhecimento de várias questões referentes à Plena Paz, como o dinheiro arrecadado no Bazar Beneficente no ano passado, que foi supostamente desviado para a reforma do estádio do ABC. “Não tenho o costume de visitar bazares das entidades”.

No depoimento da testemunha anterior, Fátima Dalmagro, servidora pública, houve uma denúncia de agressões físicas e assédios morais aos adolescentes da entidade por parte do presidente, Celso do Amaral; mas quando foi ao local para vistoria, Miguel declarou que não houve nenhuma reclamação sobre isso. Contudo, foi constatado que a água do local havia sido cortada. Sobre esta e outras irregularidades, Dal’Olmo disse ter cobrado do presidente para que cumprisse com suas obrigações.
 
Outro fato confirmado na quarta foi que Celso visitava com frequência a Secretária Municipal de Assistência Social, Rosilene Link.
 
Uma questão levantada por Fátima e respondida na manhã de quarta pelo funcionário público, foi referente ao valor muito superior de repasse à Plena Paz, com cerca de 20 adultos internos e seis adolescentes, em comparação com outra entidade que atende cerca de 70 crianças. “A Plena Paz pode receber mais adolescentes, sem contar que o custo das crianças é inferior”. Conforme o pronunciamento de Dalmagro, a Plena Paz recebia uma subvenção de R$25 mil para adolescentes e adultos e mais R$9 mil para mulheres. Já a outra entidade recebe R$9 mil.
 
Ao final, o Presidente da Comissão, vereador Mogênio, disse que Miguel foi evasivo nas respostas e não quis colaborar com as investigações, visto que não cedeu as cópias dos documentos. “Prefiro que solicitem ao Executivo”, respondeu.
 

Recomendado para você

Anúncio

Rodízio de massas - Noite Italiana

Anúncio

Anúncio

Assine

Categorias

Anúncio

City Tour Foz do Iguaçu

Anúncio

Anúncio da revista D!VA
Logo do ClickFoz