contato@clickfozdoiguacu.com.br

(45) 3521-4041

Rua Venanti Otremba, 772. Sala 1.

CEP 85852-020 - Foz do Iguaçu

Paraná - Brasil

© Copyright - 2017 Foznet Soluções Digitais - Todos os direitos reservados.

Anúncio

Foz do Iguaçu

"Estado de Alerta" termina hoje (27) e multas serão aplicadas Proprietários de terrenos baldios, constuções abandonadas e casas desocupadas serão notificados

Proprietários de terrenos baldios, constuções abandonadas e casas desocupadas serão notificados


Por: Leca

Publicado em:

Termina nesta quarta-feira (27), o prazo dado pelo município de Foz do Iguaçu, para que os proprietários de terrenos baldios, construções abandonadas e casas desocupadas façam a limpeza do mato e retirada de entulho desses locais. A notificação foi realizada por meio de decreto do prefeito Reni Pereira, que colocou a cidade em “Estado de Atenção”, devido ao aumento de casos de dengue e ao risco de epidemia por infestação do Aedes Aegypti. Foram dados sete dias para que essas áreas fossem roçadas e limpas. A partir de quinta-feira (28), o departamento de Fiscalização, da Secretaria Municipal da Fazenda, irá iniciar a verificação dos terrenos e emitirá multas que variam de R$ 1.180 à R$ 5.900 mil aos proprietários que não cumpriram o decreto.
 

Foto: Divulgação
Secretaria da Fazenda, irá iniciar a verificação e emitirá multas que variam de R$ 1.180 à R$ 5.900 mil

O Departamento de Fiscalização deverá fazer uma força tarefa para verificar o cumprimento do decreto. “Vamos contar com até 30 fiscais que estarão percorrendo a cidade e se certificando que os terrenos baldios foram limpos”, destacou o diretor Valter Schoeder.  A medida é necessária por causa do descaso de muitos contribuintes, que ao deixarem de limpar os terrenos dão margem para que as áreas sejam usadas como depósitos de lixo, contribuindo para formação de focos do mosquito. O objetivo é manter a dengue longe do município e impedir o aumento do número de casos.

A estimativa é que no município existam cerca de 20 mil terrenos baldios. Os locais que seguirem com mato ou entulho serão multados. A notificação será encaminhada aos proprietários e vai constar na inscrição imobiliária da área, sendo cobrada no IPTU. Esses locais serão limpas pelo Departamento de Serviços Urbanos do Município, que vem fazendo um trabalho em várias frentes de roçada e retirada de entulho de áreas verdes da cidade. As chuvas constantes e o acúmulo de terrenos que não foram limpos desde a administração passada, tem imposto dificuldades para que a atual administração consiga zerar esse serviço que é constante.

A limpeza das áreas verdes e avenidas segue um cronograma que conta com três frentes de trabalho. Estão sendo finalizados os trabalhos nas áreas do bairro Portal da Foz e Cidade Nova. Também está programada a retirada de entulho jogado pela população nesses terrenos do município nos bairros Profilurb I e II. Na próxima semana será iniciada a roçada na Vila Portes, Jardim América, Centro, Jardim Universitário e Jardim Ipê.

Paralelo à manutenção das áreas verdes, o município irá fazer a limpeza dos terrenos autuados pelo Departamento de Fiscalização da Secretaria da Fazenda. 

DENGUE:.

Desde o começo do ano até esta terça-feira (26), foram notificados 2.314 casos suspeitos de dengue e 402 deram positivo. Sendo que uma pessoa foi identificada com o vírus tipo quatro da doença. O município reforçou o número de agentes de endemias com a contratação de mais 60 funcionários, mas sem a colaboração da população, que deve evitar os criadouros do mosquito, aumentam as dificuldades de controlar os casos de dengue.

O Centro de Controle de Zoonoses – CCZ  está mobilizado e os agentes de endemias estão percorrendo os bairros para eliminar dos quintais das casas os criadouros do mosquito, conversando com os moradores e fazendo a conscientização destes. Também os agentes comunitários de saúde, que trabalham no Programa Saúde da Família nas unidades de saúde,  estão orientando as famílias que eles atendem sobre a prevenção à dengue. São cerca de 350 pessoas divulgando os cuidados que devem ser tomados para impedir a infestação do mosquito.

Três carros fumacê estão percorrendo toda a cidade aplicando o inseticida que ajuda a matar o Aedes Aegypti na fase adulta, evitando que a fêmea ponha ovos nos criadouros, que são objetos e materiais que acumulam água. Na próxima semana 40 funcionários, dos 60 que foram contratados, iniciarão o trabalho de aplicação costal do inseticida, indo de casa em casa. O pedido dos agentes de endemias é que as pessoas abram suas casas durante a aplicação do fumacê, tanto dos carros como costal. Fechando as janelas e portas eles impedem a ação do inseticida no combate ao mosquito. Os carros fazem a aplicação no horário das 4 às 10 horas e no período da tarde das 16 às 22 horas. 

O município conta ainda com o “Dengue Denúncia”, que atende pelo telefone 3524-8848. Desde o começo do ano foram registradas cerca de 1.500 denúncias. São tanto de terrenos baldios como de pessoas que reclamam de vizinhos que não deixam seus quintais limpos. Há também muitas queixas de piscinas em residências que a água não está recebendo tratamento adequado.

Recomendado para você

Anúncio

Rodízio de massas - Noite Italiana

Anúncio

Anúncio

Assine

Categorias

Anúncio

City Tour Foz do Iguaçu

Anúncio

Anúncio da revista D!VA
Logo do ClickFoz