Empresas parceiras

Igushuttle - Destino Iguassu - Passaporte Iguassu - IguFoz - Loumar Turismo
Noite Italiana - Hotel Bella Italia - Águas do Iguaçu Hotel - Bogari Hotel - Iguassu City Tour

contato@clickfozdoiguacu.com.br

(45) 3521-4041

Rua Venanti Otremba, 772. Sala 1.

CEP 85852-020 - Foz do Iguaçu

Paraná - Brasil

© Copyright - 2017 Foznet Soluções Digitais - Todos os direitos reservados.

Anúncio

Foz do Iguaçu

Foz do Iguaçu pode se tornar a capital brasileira do Slackline Mundial no último fim de semana superou todas as expectativas

Mundial no último fim de semana superou todas as expectativas


Por: Lauane de Melo

Publicado em:

Terminou neste domingo, 11, em Foz do Iguaçu, o Itapu Slackline World Cup, maior evento da modalidade realizado na América Latina. A data entra para a história com o maior número de participantes e de público em um evento de Slackline.

A comemoração foi ainda maior com a vitória do brasileiro Pedro Rafael Marques, o Pedrinho, que, além de levar o título da etapa, emplacou o recorde mundial de pontuação ao conseguir incríveis 533,71 pontos. O recorde anterior – 400 pontos – já pertencia a ele.

Na cerimônia de premiação, ainda na noite de domingo, o campeão não conseguiu conter a emoção. “Esse sempre foi meu sonho e agora consegui realizar. Estou muito emocionado, ainda mais com essa torcida toda festejando com a gente. Ainda não estou acreditando”, disse Pedrinho, em lágrimas.

Feminino – A atleta Giovanna Petrucci, do Rio de Janeiro, garantiu o título do Campeonato Brasileiro Feminino. Giovana já possui dois títulos mundiais em seu currículo. Luana Duracel, de São Paulo, foi a segunda colocada; a iguaçuense Dalva Machado ficou em terceiro lugar. 

Futuro – Para o organizador do evento e presidente da Adere (Associação de Desenvolvimento de Esportes Radicais e Ecologia), Marcelo Penayo, o Mundial superou todas as expectativas, tanto de organização quanto dos atletas.

 “Nós da Adere trabalhamos muito para que tudo desse certo. O resultado foi esse evento maravilhoso, que mobilizou desde atletas internacionais até a comunidade de Foz do Iguaçu. Já estamos pensando em nossos próximos eventos e vamos com tudo”, comemorou.

A Itaipu Binacional, que promoveu em conjunto com a Adere o campeonato mundial de slackline, pretende continuar apoiando novas edições. Segundo o superintendente de comunicação social da Itaipu Binacional e também presidente do Fundo Iguaçu, Gilmar Piolla, o evento consolida Foz do Iguaçu como destino de esportes radicais.

“Capital do Slackline” – “É um evento de uma modalidade nova, mas com muitos adeptos no mundo inteiro, especialmente no Brasil. E vem exatamente na linha do que estamos buscando fazer para renovar a identidade do Destino Iguaçu com os novos públicos consumidores de turismo. É algo que permite que Foz do Iguaçu se consolide como um destino de esporte de ação do Brasil”, disse Piolla.

E adiantou: “É um evento que veio para ficar e pretendemos, a partir de agora, incluir no calendário de eventos da cidade, junto com a Meia Maratona, o Festival de Turismo e as demais competições. Foz é um chamariz, não só no esporte, mas para todos os tipos de evento. Queremos nos tornar a capital do Slackline no Brasil”.

Depois da premiação aos atletas vencedores, o campeonato foi finalizado comum show da banda Oriente, do Rio de Janeiro, que aproveitou a arena lotada para gravar seu DVD. A banda Oriente também foi parceira da Copa do Mundo do Slackline.

 

Recomendado para você

Anúncio

Anúncio da revista D!VA

Anúncio

Anúncio

City Tour Foz do Iguaçu

Anúncio

Categorias

Assine

Logo do ClickFoz