contato@clickfozdoiguacu.com.br

(45) 3521-4041

Rua Venanti Otremba, 772. Sala 1.

CEP 85852-020 - Foz do Iguaçu

Paraná - Brasil

© Copyright - 2017 Foznet Soluções Digitais - Todos os direitos reservados.

Anúncio

Foz do Iguaçu

Governo lança programa de incentivo à inovação em micro e pequenas empresas Valor destinado às empresas pode variar de R$ 180 mil até R$ 600 mil

Valor destinado às empresas pode variar de R$ 180 mil até R$ 600 mil


Por: Leca

Publicado em:

O governador Beto Richa lança nesta segunda-feira (7) o Programa de Apoio à Inovação em Microempresas e Empresas de Pequeno Porte – Tecnova Paraná. Serão destinados R$ 22,5 milhões para incentivar empresários a investirem em novos produtos e ideias. Os recursos são da Financiadora de Estudos e Projetos (Finep), do Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação (R$ 15 milhões) e da Secretaria de Estado da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior (R$ 7,5 milhões).

O público-alvo são as micro e pequenas empresas, com faturamento anual inferior a R$ 3,6 milhões, com, no mínimo, seis meses de existência. O interessado deve enviar o projeto, conforme será descrito em edital. A universidade estadual da região em que está instalada a empresa vai analisá-lo, para então entrar com o pedido de recursos financeiro e colocar a ideia em prática.

O valor destinado às empresas pode variar de R$ 180 mil a R$ 600 mil, mediante a contrapartida financeira de 5% do valor subsidiado. O prazo para a execução do projeto será de até 24 meses.

O programa surgiu da união de esforços para promover e incentivar a inovação tecnológica em áreas estratégicas, pela cooperação entre o setor público, privado e as instituições de pesquisa e desenvolvimento. Os segmentos com prioridade são energia, tecnologia da informação e comunicação (TICs), biotecnologia, metalmecânica, cadeias produtivas da agroindústria e complexo industrial da saúde.

O secretário da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior, João Carlos Gomes, destacou a importância do projeto dentro da agenda de aproximação do setor produtivo com o meio acadêmico. “Trata-se de parte de ações conjuntas que são desenvolvidas entre o sistema de ensino superior e o setor produtivo para avançarmos no processo de inovação no Paraná”, afirmou o secretário.

ESTRUTURA – A Finep adota modelo de subvenção econômica descentralizada, não reembolsável e direcionada a segmentos estratégicos. No Paraná, a Secretaria de Estado da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior é responsável por estruturar o programa, estabelecendo mecanismos de cooperação para promover o repasse de recursos.

A Fundação Araucária, vinculada à Secretaria de Ciência, Tecnologia e Ensino Superior, é responsável pela execução e coordenação dos trabalhos na Agência Operacional Descentralizada do Tecnova-PR. “A instituição foi encarregada de coordenar a estruturação e a operacionalização da agência, assumindo a organização e lançamento da chamada pública, processo de seleção e contratação das empresas, a alocação dos recursos, o acompanhamento físico-financeiro e a prestação de contas dos projetos”, destacou Osmar Muzilli, coordenador da agência Tecnova, junto à Fundação Araucária.

A Federação das Indústrias do Paraná (Fiep) e o Instituto de Tecnologia do Paraná (Tecpar) vão apoiar na promoção e divulgação do Programa, na motivação e prospecção junto ao setor produtivo, no suporte técnico e econômico para o desenvolvimento das inovações e na integração com o Parque Tecnológico Virtual (PTV-Paraná), como plataforma de apoio para os projetos a serem contratados.

A Rede Paranaense de Incubadoras e Parques Tecnológicos (Reparte) e a Associação das Empresas Brasileiras de Tecnologia da Informação (Assespro) participam como intervenientes técnicos.

Recomendado para você

Anúncio

Promoção natal ACIFI

Anúncio

Anúncio

Anúncio

Anúncio da revista D!VA

Categorias

Anúncio

City Tour Foz do Iguaçu

Assine

Logo do ClickFoz