contato@clickfozdoiguacu.com.br

(45) 3521-4041

Rua Venanti Otremba, 772. Sala 1.

CEP 85852-020 - Foz do Iguaçu

Paraná - Brasil

© Copyright - 2017 Foznet Soluções Digitais - Todos os direitos reservados.

Anúncio

Foz do Iguaçu

Inverno requer cuidado especial com idosos


Por: Garon Piceli

Publicado em:

Termômetro marcando índices abaixo de 20 graus é sinônimo de comemoração para quem gosta do charme do inverno, com suas roupas elegantes e deliciosas bebidas quentes. Contudo, para as pessoas com mais de 60 anos é uma das estações que requer mais atenção. Dentre os problemas de saúde mais freqüente entre os idosos nos meses de baixa temperatura estão doenças respiratórias e dores reumáticas.

Cristina Ribeiro, fisioterapeuta especializada em gerontologia, destaca que é natural o declínio fisiológico ao longo do processo de envelhecimento, resultando em redução de imunidade e doenças como diabetes, problemas respiratórios e complicações cardiovasculares, bem como dificuldade de movimentação. As variações de temperatura acentuam algumas dessas situações, demandando atenção redobrada no inverno.
 
A gripe é uma das doenças mais comuns no inverno para a população em geral. Contudo, no caso dos idosos, o risco de resultar em óbito é maior por causa da imunidade reduzida. Por isso, o Ministério da Saúde promove anualmente a Campanha Nacional de Vacinação para pessoas com mais de 60 anos no intuito de prevenir tanto a gripe comum como a Influenza. 
 
Além da vacina, é importante adotar medidas simples, como: evitar aglomerações ou ficar próximo de pessoas gripadas; manter os ambientes arejados, deixando as janelas abertas pelo menos algumas horas do dia para a circulação do ar; ingerir água ou líquidos para facilitar a eliminação de possíveis secreções nos pulmões; e, algumas vezes, realizar respirações profundas para “estimular” a circulação de ar nos pulmões, uma vez que com o envelhecimento ocorre um aumento da rigidez na musculatura respiratória, dificultando as trocas gasosas. 
 
Artrose – O segundo motivo de queixa entre os idosos nos meses de frio são as dores decorrentes das doenças reumáticas e demanda ainda mais atenção por parte dos cuidadores e familiares. Existem dezenas de doenças reumáticas. Contudo, no caso das pessoas acima de 60 anos predomina a artrose, desgaste das cartilagens encontradas nas articulações, as quais tem como função suportar o peso e facilitar o deslize durante os movimentos, similar a um “amortecedor de choques”. “No inverno atendo muitas pessoas com dores reumáticas. Exercícios de fisioterapia e de cuidados posturais reduzem expressivamente as dores”, explica a fisioterapeuta Cristina. Ela acrescenta que como atende em domicílio, é ainda mais cômodo e benéfico ao paciente, pois ele não precisa expor-se às baixas temperaturas do ambiente externo ao se deslocar até a clínica.
 
Além de usar roupas quentes, é importante uma alimentação saudável e nutritiva para aumentar a imunidade e cuidados especiais com a pele. “É normal durante o envelhecimento alterações na pele como rugas, manchas e pele seca e áspera. As baixas temperaturas acentuam esses ‘danos’. Por isso, manter a pele hidratada e evitar banhos demorados com água muito quente são medidas necessárias com os idosos”, finaliza a gerontóloga Cristina Ribeiro.
 
Serviço
Mais informações no blog http://fisiogerontologica.blogspot.com/
Contato: cristinaribeiroft@gmail.com ou fone (45) 9105-3018

Recomendado para você

Anúncio

Rodízio de massas - Noite Italiana

Anúncio

Anúncio

Anúncio

Anúncio da revista D!VA

Categorias

Anúncio

City Tour Foz do Iguaçu

Assine

Logo do ClickFoz