contato@clickfozdoiguacu.com.br

(45) 3521-4041

Rua Venanti Otremba, 772. Sala 1.

CEP 85852-020 - Foz do Iguaçu

Paraná - Brasil

© Copyright - 2017 Foznet Soluções Digitais - Todos os direitos reservados.

Anúncio

Foz do Iguaçu

Itaipu será sede do 4º Seminário Internacional de Defesa Cibernética Evento abordará temas como terrorismo cibernético, ativismo hacker e outras ameaças à segurança da informação

Evento abordará temas como terrorismo cibernético, ativismo hacker e outras ameaças à segurança da informação


Por: Lauane de Melo

Publicado em:

Especialistas em segurança cibernética do Brasil e exterior se reunirão, nos dias 20 e 21 de agosto, no Cineteatro dos Barrageiros, na Itaipu Binacional, em Foz do Iguaçu, para debater assuntos como terrorismo cibernético, ativismo hacker e outras ameaças à segurança da informação.

Foto: Divulgação
Evento é gratuito, mas precisa de inscrição prévia

O encontro marca o 4º Seminário Internacional de Defesa Cibernética, que trará à usina palestras internacionais, com militares de Israel e da Espanha. O evento é aberto ao público. As inscrições devem ser feitas pelo site www.renasic.org.br. As vagas são limitadas.

A organização é do Centro de Defesa Cibernética do Exército Brasileiro, por meio da Rede Nacional em Segurança da Informação e Criptografia (Renasic), em parceria com a  Itaipu e o PTI.

A escolha de Itaipu como sede do seminário não ocorre por acaso – a usina é uma das estruturas estratégicas, aquelas que, em caso de colapso, podem causar algum problema ao país. Além da usina, estão na lista as plataformas petrolíferas, o sistema bancário e financeiro (bolsas de valores) e as linhas de transmissão de energia, entre outras.

No PTI, funciona o Laboratório de Segurança Eletrônica, de Comunicações e Cibernética (LaSEC²), fruto de um acordo entre a binacional, o Exército Brasileiro e a Fundação PTI. O laboratório desenvolve tecnologias de defesa cibernética para estruturas estratégicas, foi inaugurado em março.

Programação – A abertura oficial está prevista para as 8h30 de quinta-feira, 20. Para a cerimônia, são esperados representantes dos Ministérios da Defesa, da Ciência e Tecnologia, de Relações Exteriores e do Gabinete de Segurança Institucional da Presidência da República.

Em seguida, às 9h, o chefe do CDCiber, Paulo Sergio Melo de Carvalho, abre a programação de palestras com o tema "A defesa cibernética como extensão do papel constitucional das Forças Armadas”.

Das 10h40 às 11h30, um representante do Comando Conjunto de Defesa Cibernética da Espanha falará sobre a visão espanhola da segurança e defesa cibernética. A programação segue com palestras e painéis até as 18h20 (veja a agenda completa abaixo).

Na sexta-feira, 21, o seminário começa às 9h, com a palestra de Gabi Sibone, diretor do Programa Militar de Guerra Cibernética do Instituto para Estudos de Segurança Nacional, o INSS, de Israel. Ele falará sobre a experiência israelense no combate a ameaça cibernética.

Nos dois dias, os participantes poderão interagir com os palestrantes. Os debates estão previstos das 9h50 às 10h20; 11h30 às 12h; 14h10 às 14h30; 15h40 às 16h10 e das 17h40 às 18h10.

Confira a agenda:

Quinta-feira (20 de agosto)

8h30 – 9h: Abertura
9h às 9h50: Palestra de Abertura: “A Defesa Cibernética como Extensão do Papel Constitucional das Forças Armadas na Defesa Nacional (Chefe do CDCiber)
10h40 às 11h30: “Segurança e Defesa Cibernética: Visão da Espanha” (Representante do Comando Conjunto de Defesa Cibernética da Espanha)
13h30 – 14h10: “As atividades de Proteção Cibernética no âmbito da Força Terrestre” (Chefe do CITEx)
14:30 às 15:40: Painel – “A atuação das organizações militares e civis na Defesa Cibernética Nacional em tempos de Paz e Conflito” (MD / Forças / PR / CERT-BR)
16:30 às 17:40: Painel – “Uso de ferramentas de segurança de origem estrangeira & Uso de ferramentas nacionais e seus impactos na preservação da Soberania Nacional (RENASIC / Rep. Empresas Nacionais e Rep. Empresas Estrang)

Sexta-feira (21 de agosto)

9h às 9h50: “A Experiência Israelense no Combate a Ameaça Cibernética”, (Gabi Sibone) Diretor do Programa Militar de Guerra Cibernética do INSS, em Israel
10h40 às 11h30: “O Domínio Cibernético nas Operações Militares e seus efeitos cinéticos e cibernéticos” (MB/ComOpNav/DCTIM)
13h20 às 14h10: “O ativismo hacker e outras ameaças cibernéticas avançadas (Terrorismo / Espionagem/Ciber G e FAB
14h30 às 15:40: Painel –  “O Terrorismo Cibernético e a Soberania Nacional” (Centro de Intelig. das Forças/MD/ABIN/DPF/ Ministério Público)
16h30 às 17:40: Painel –  “A importância da atuação colaborativa na Segurança Cibernética de Infraestruturas Estratégicas” (MD/PR/CERT-BR/CDCiber/Itaipu)

Recomendado para você

Anúncio

Rodízio de massas - Noite Italiana

Anúncio

Anúncio

Assine

Categorias

Anúncio

City Tour Foz do Iguaçu

Anúncio

Anúncio da revista D!VA
Logo do ClickFoz