contato@clickfozdoiguacu.com.br

(45) 3521-4041

Rua Venanti Otremba, 772. Sala 1.

CEP 85852-020 - Foz do Iguaçu

Paraná - Brasil

© Copyright - 2017 Foznet Soluções Digitais - Todos os direitos reservados.

Anúncio

Foz do Iguaçu

Penitenciária inaugura novas câmeras de segurança Repasse feito pela Itaipu somam R$20 mil

Repasse feito pela Itaipu somam R$20 mil


Por: Leca

Publicado em:

O sistema de monitoramento da Penitenciária Estadual de Foz do Iguaçu (PEF 1) ganhou o reforço de seis novas câmeras. Os equipamentos, adquiridos por meio de repasse financeiro da Itaipu Binacional ao Conselho da Comunidade na Execução Penal, foram inaugurados nesta quinta-feira, dia 31. Os recursos somam R$ 20 mil. 

Fonte: JIE
Uma das novas câmeras compradas com recursos de Itaipu: ajuda na segurança da penitenciária

Autoridades e imprensa acompanharam a cerimônia de apresentação do sistema de monitoramento na PEF 1. Na ocasião, também foram inauguradas duas guaritas internas da penitenciária, construídas por meio de uma parceria com o Senai-PR. 

O diretor-geral brasileiro, Jorge Samek, foi representando pelo seu assistente, Joel de Lima. “Esta iniciativa auxilia tanto na qualidade do trabalho dos agentes quanto na ressocialização dos apenados”, afirmou. “Toda a sociedade é corresponsável por essas pessoas. Com esse apoio, o que fazemos é procurar corrigir as falhas da sociedade”.    
 

Também participaram do evento a vice-prefeita e secretária de Desenvolvimento Socioeconômico, Ivone Barofaldi; a presidente do Conselho da Comunidade na Execução Penal, advogada Luciane Ferreira; a coordenadora de Educação do Senai-PR de Foz do Iguaçu, Sandra Regina Simon; e o diretor do Sindicato dos Agentes Penitenciários do Paraná (Sindarspen), Jonas Leonardo Beskow Santana.
  
“Buscamos parceiros para nos ajudar com esse projeto durante todo o ano passado e encontramos na Itaipu este apoio”, afirmou a presidente do Conselho da Comunidade na Execução Penal, Luciane Ferreira. “Com esse sistema de câmeras, os agentes poderão monitorar o ambiente sem tirá-los de suas funções de acompanhar os presos aos canteiros de trabalho e ajudá-los na ressocialização”, disse a advogada.
    
Mais segurança – Das seis câmeras, cinco são fixas e uma é do tipo speedy dome, que permite ao agente uma visão de 360 graus do ambiente e controle remoto do equipamento. Juntas, elas fecham o perímetro das galerias, onde ficam alocadas as 124 celas. A penitenciária masculina abriga hoje 493 detentos.
  
Segundo o diretor-geral da PEF 1, Rubens Cabrera, 30% das câmeras do sistema de monitoramento estavam avariadas. “São poucas câmeras, mas com melhor qualidade se comparadas àquelas que possuíamos”, disse. Por medida de segurança, o Departamento de Execução Penal (Depen) não informa o total de câmeras instaladas na unidade.

Foto: JIE
Rubens Cabrera, à esquerda, e Jonas Beskow Santana, do Sindarspen: melhorias para todos

“Antes de vir para cá, eu via Itaipu como uma hidrelétrica importante, de dois países. Hoje vejo Itaipu como uma parceira que faz os sonhos acontecerem. Estamos com o coração cheio de gratidão pela ajuda que recebemos para a ressocialização e recuperação das pessoas que estão aqui”, disse Cabrera.

As duas novas guaritas, instaladas próximas às galerias, foram construídas pelos próprios presos, capacitados pelo Senai-PR. “Certamente essa ajuda vai preservar a integridade física de nós, agentes penitenciários, numa eventual tentativa de fuga”, disse o diretor do Sindarspen, Jonas Leonardo Beskow Santana. “Tudo o que pode contribuir para a melhoria da segurança e da qualidade de trabalho é bem-vindo”, concluiu.
 

Outras parcerias – Além dos recursos para o sistema de vigilância, Itaipu também repassou outros R$ 100 mil ao Conselho da Comunidade. O dinheiro será investido na melhoria de um prédio que abrigará o Patronato Penitenciário, no centro da cidade. O imóvel será um centro de atendimento dos apenados e de acompanhamento da execução penal.
  
A empresa ajudará, ainda, a instalar uma indústria de produção de cadeiras de rodas motorizadas e de carrinhos elétricos para catadores de papel na penitenciária feminina de Foz do Iguaçu.
  
Atualmente, a binacional mantêm estagiários de Direito cedidos ao Conselho da Comunidade para acompanhar os processos penais e dispõe de uma parceria com o Conselho Nacional de Justiça para a reintegração ao mercado de trabalho daqueles que já cumpriram suas penas.
  
Os projetos celebrados entre Itaipu e o Conselho da Comunidade na Execução Penal são viabilizados por meio da Assistência da Diretoria Geral Brasileira e da Assessoria de Responsabilidade Social.

Recomendado para você

Anúncio

Rodízio de massas - Noite Italiana

Anúncio

Anúncio

Anúncio

Anúncio da revista D!VA

Categorias

Anúncio

City Tour Foz do Iguaçu

Assine

Logo do ClickFoz