contato@clickfozdoiguacu.com.br

(45) 3521-4041

Rua Venanti Otremba, 772. Sala 1.

CEP 85852-020 - Foz do Iguaçu

Paraná - Brasil

© Copyright - 2017 Foznet Soluções Digitais - Todos os direitos reservados.

Anúncio

Foz do Iguaçu

Potencial na região


Por: Garon Piceli

Publicado em:

O consultor do Sebrae/PR em Cascavel, Edson Braga da Silva, observa a realização do Ciclo MPE.net como uma oportunidade para as empresas que formam o Arranjo Produtivo Local (APL) de TI do oeste, o Iguassu-IT, ampliarem mercado. “Ao todo, 55 empresas de Cascavel, Toledo, Marechal Cândido Rondon, Medianeira e Foz do Iguaçu integram o APL e atuam no segmento de software, hardware e, também, comunicação. Com o seminário, os empresários podem avaliar novas alternativas de mercado, inclusive para fornecer soluções para as empresas que tenham interesse em ingressar no comércio eletrônico”, diz.

 

$(function(){
// esconde o conteúdo de “saiba mais” que fica no rodape da pagina
$(‘div#contentcolumn .relacionada’).hide();
// armazena o conteudo da div
var contentDivSaibaMais = $(‘div#contentcolumn .relacionada’).html();
$(‘div#contentcolumn .new-div-relacionada’).html(contentDivSaibaMais);
});
De acordo com Marcos Uda, essa parceria entre as empresas amplia o acesso a novos mercados. “O empresário que está planejando trabalhar com e-commerce deve buscar parcerias com outras empresas capazes de prover soluções, como, por exemplo, questão de pagamentos online. A realização do Ciclo MPE.net em Foz do Iguaçu traz essa característica. Na região oeste, temos um arranjo produtivo local forte do setor, com empresas que podem oferecer serviços a outras pequenas empresas. No seminário, também teremos a presença de empresários da Argentina e Paraguai, uma iniciativa para promover a troca de experiências e também atuar na questão da consolidação do comércio na América Latina”, observa Marcos Uda.

Com mais de 63 milhões de usuários de internet, o comércio eletrônico é um mercado altamente potencial e vem crescendo, em média, 30% ao ano, no Brasil, segundo dados da Câmara-e.net. Ainda de acordo com números da entidade, o Brasil ocupa uma posição de vanguarda e liderança, sendo responsável por 45% do faturamento do comércio eletrônico na América Latina.

O aumento de consumidores virtuais, chamados de e-consumidores, é outro aspecto apontado pela Câmara-e.net como positivo. A estimativa é de que o ano feche com cerca de 23 milhões de consumidores virtuais. Apenas no primeiro semestre, esse número deve chegar a 20 milhões.

Segundo Edilson Flausino, consultor da Câmara-e.net e coordenador do Ciclo MPE.net, as classes sociais A e B continuam sendo as que mais compram pela internet. “Porém as que mais crescem atualmente são as classes C e D”, sinaliza Flausino. Segundo o consultor, eletroeletrônicos, livros, CDs e revistas são os principais produtos comercializados nesse mercado. “Hoje, temos cerca de 60 mil lojas virtuais no Brasil e a previsão de crescimento no faturamento do comércio eletrônico deve ser de 25%, fechando o ano em R$ 13,6 bilhões”, diz.

 

Recomendado para você

Anúncio

Rodízio de massas - Noite Italiana

Anúncio

Anúncio

Assine

Categorias

Anúncio

City Tour Foz do Iguaçu

Anúncio

Anúncio da revista D!VA
Logo do ClickFoz