contato@clickfozdoiguacu.com.br

(45) 3521-4041

Rua Venanti Otremba, 772. Sala 1.

CEP 85852-020 - Foz do Iguaçu

Paraná - Brasil

© Copyright - 2017 Foznet Soluções Digitais - Todos os direitos reservados.

Anúncio

Foz do Iguaçu

Prefeitura de Foz do Iguaçu antecipa o depósito da folha e concede reposição salarial aos servidores Os salários que estarão disponíveis na quarta (29), virão acrescidos de uma reposição de 1,39%, retroativo ao mês de agosto

Os salários que estarão disponíveis na quarta (29), virão acrescidos de uma reposição de 1,39%, retroativo ao mês de agosto


Por: Garon Piceli

Publicado em:

Diante da possibilidade de greve bancária, prevista para ser deflagrada nesta quarta-feira, o prefeito Paulo Mac Donald determinou que a Secretaria da Fazenda antecipasse o depósito dos salários dos mais de seis mil servidores públicos. Há mais de cinco anos, desde que assumiu a administração, o prefeito vem pagando os salários no último dia útil do mês.
 
Os salários que estarão disponíveis hoje, 29, virão acrescidos de uma reposição de 1,39%, retroativo ao mês de agosto.  A atualização a ser paga neste mês faz parte da proposta da administração que vai zerar as perdas acumuladas entre maio de 2009 a abril deste ano, e somam 5,39%, de acordo com o INPC (Índice Nacional de Preços ao Consumidor).
 
O reajuste foi dividido em quatro parcelas: 2% em junho, já repassado; 1,39% em agosto, que foi acrescentada agora aos salários, devido à discussão do projeto na Câmara de Vereadores, mais 1% em outubro e outro 1% em dezembro. “Como a concessão da reposição vai se dar em parcelas, a somatória do aumento totalizará 5,49%”, explicou Rosalete Schimit, diretora da Secretaria de Gestão de Pessoas e Políticas de Recursos Humanos.
 
Inconstitucional – A atual administração vem repassando todos os anos a inflação acumulada ao longo de cada período. Essa medida evita que os trabalhadores registrem perdas no poder aquisitivo.
 
Mesmo não tendo repasses em atraso, o prefeito foi surpreendido com uma emenda da Câmara ao projeto de reajuste, que elevava a reposição dos servidores de 5,39% para um aumento de 28%. Tal iniciativa é inconstitucional, pois a Câmara não pode propor despesas ao município e, ainda, qualquer aumento nos gastos com folha de pagamento deve ser precedido de estudo do impacto financeiro e previdenciário, mesmo quando o projeto é de autoria do Poder Executivo.
 
Diante da impossibilidade de sancionar a lei na sua íntegra, o prefeito se viu obrigado a vetar o artigo segundo, onde constava os 19,5% a mais, propostos através de emenda.
 
Fozprev – Além de manter o valor dos salários dos servidores atualizado, a atual administração criou o Fozprev, que garante o pagamento de pensões e aposentadorias. A composição do fundo, que hoje tem mais de R$ 90 milhões depositados, demandou economia, num esforço para evitar que setores essenciais, como saúde e educação, fiquem sem os necessários investimentos no futuro, em detrimento dos direitos dos servidores que dedicaram parte de suas vidas ao serviço público.

Recomendado para você

Anúncio

Anúncio da revista D!VA

Anúncio

Anúncio

City Tour Foz do Iguaçu

Anúncio

Categorias

Assine

Logo do ClickFoz