Empresas parceiras

Igushuttle - Destino Iguassu - Passaporte Iguassu - IguFoz - Loumar Turismo
Noite Italiana - Hotel Bella Italia - Águas do Iguaçu Hotel - Bogari Hotel - Iguassu City Tour

contato@clickfozdoiguacu.com.br

(45) 3521-4041

Rua Venanti Otremba, 772. Sala 1.

CEP 85852-020 - Foz do Iguaçu

Paraná - Brasil

© Copyright - 2017 Foznet Soluções Digitais - Todos os direitos reservados.

Anúncio

Foz do Iguaçu

Professores promovem semana de mobilização em defesa da educação Segundo o sindicato, atrasos e falta de pagamentos afetam o trabalho dos educadores e o funcionamento das escolas

Segundo o sindicato, atrasos e falta de pagamentos afetam o trabalho dos educadores e o funcionamento das escolas


Por: Lauane de Melo

Publicado em:

Os educadores de Foz do Iguaçu e região realizam uma semana de mobilização contra o atual modelo de gestão promovido pelo Governo do Paraná. As atividades acontecem entre os dias 02 e 07 de fevereiro, contando com distribuição de uma carta pública, reunião da categoria, ato público e culminam com a participação dos educadores da região na Assembleia Estadual da categoria, que acontece no município de Guarapuava.
 

Foto: Marcos Labanca
Categoria aponta diversos problemas na educação

O movimento é organizado pelo Sindicato dos Trabalhadores em Educação Pública do Paraná (APP-Sindicato) – Núcleo Sindical de Foz do Iguaçu, com o objetivo de denunciar e enfrentar os problemas que afetam o funcionamento das escolas e comprometem os direitos dos trabalhadores da educação.

De acordo com o presidente da APP-Sindicato/Foz, Fabiano Severino, a lista de problemas na educação já era grande e tem se tornado ainda maior desde o ano passado, por conta de medidas adotadas e pelo não cumprimento de acordos com a categoria por parte do Governo do Estado.

“A escola pública corre sério perigo no Paraná, pois a visão do atual governo não prioriza o serviço público e o atendimento à população e sim a arrecadação e os acordos com os grandes grupos econômicos. Há poucos dias da volta às aulas, o clima é de incerteza e descontentamento entre os profissionais e de total desorganização na gestão do Governo do Estado”, enfatiza Fabiano Severino.

Durante as atividades realizadas pela APP-Sindicato/Foz, estarão presentes representantes da categoria dos nove municípios de abrangência do Núcleo Sindical, sendo, Foz do Iguaçu, Santa Terezinha de Itaipu, São Miguel do Iguaçu, Medianeira, Missal, Itaipulândia, Matelândia, Ramilândia e Serranópolis do Iguaçu.

LISTA DE PROBLEMAS – O dirigente sindical aponta diversos problemas decorrentes da atual gestão da educação: suspensão da distribuição de aulas aos PSS (contratos temporários), atraso no pagamento do salário e não pagamento da rescisão e do terço de férias aos PSSs que tiveram contratos interrompidos em dezembro, dívida de mais de 70 milhões em promoções e progressões aos educadores, funcionários das escolas sem o pagamento do auxilio alimentação referente a dezembro, escolas sem recebimento das parcelas do fundo rotativo de 2014, falta/atraso de pagamento do Serviço de Atendimento è Saúde (SAS) deixando os servidores sem acesso ao serviço de saúde em todo o Estado.

Com efeito, além das incertezas vivenciadas pelos educadores, muitas escolas não puderam fazer ou concluir reformas e melhorias na infraestrutura já que não receberam os recursos do fundo rotativo. Além disso, o Governo do Paraná determinou um remanejamento para diminuir turmas, resultando na superlotação em várias salas de aula. A Semana Pedagógica sofreu uma redução para menos da metade do período programado, prejudicando a formação dos profissionais e o planejamento do ano letivo.

SEMANA DE LUTA – A partir de hoje, 02 – Divulgação de carta pública para a imprensa e a comunidade local denunciando os ataques do governo Beto Richa contra a educação.

Terça-feira, 03 – Reunião ampliada do Conselho Regional para o coletivo levantar propostas para o conselho e assembleia estadual da APP, que acontecem nos dias 06 e 07.

A pauta da assembleia abrange informe e deliberação sobre as negociações com o governo, Semana Pedagógica e mobilizações durante este período, além da definição das propostas dos educadores da região que serão apresentadas ao Conselho Estadual e durante a Assembleia Estadual, que acontecem nos dia 06 e 07 deste mês, reunindo os trabalhadores da educação de todo o Paraná.

Quarta-feira, 04 – Ato Público em defesa dos direitos dos trabalhadores (as) da educação pública do Paraná. A concentração será em frente ao Núcleo Regional de Educação de Foz do Iguaçu (NRE), às 16 horas, seguida de  panfletagem no centro da cidade.

Quinta e sexta-feira, 05 e 06 – “Dia D” na escola: Debate na “semana pedagógica” sobre a pauta de lutas para 2015.

Sábado, 07– Assembleia Estadual em Guarapuava. A APP-Sindicato/Foz irá dispor de ônibus gratuito que saíra de Foz do Iguaçu, na sexta-feira, dia 06, às 23h50, em frente ao Santi Móveis, na rua Almirante Barroso.

 
 
 

Recomendado para você

Anúncio

Anúncio da revista D!VA

Anúncio

Anúncio

City Tour Foz do Iguaçu

Anúncio

Categorias

Assine

Logo do ClickFoz