contato@clickfozdoiguacu.com.br

(45) 3521-4041

Rua Venanti Otremba, 772. Sala 1.

CEP 85852-020 - Foz do Iguaçu

Paraná - Brasil

© Copyright - 2017 Foznet Soluções Digitais - Todos os direitos reservados.

Anúncio

Foz do Iguaçu

Sem verba, universidades do Paraná podem fechar, diz UOL Entre estas instituições de ensino superior, está a Unioeste em Foz do Iguaçu

Entre estas instituições de ensino superior, está a Unioeste em Foz do Iguaçu


Por: Lauane de Melo

Publicado em:

O site UOL Educação divulgou uma notícia nesta segunda-feira, 23, que deixa milhares de professores, acadêmicos e funcionários apreensivos.

Como já divulgamos no Clickfoz, os docentes da Unioeste em Foz do Iguaçu estão de braços cruzados, no aguardo para uma solução destes problemas. Mas, a crise é muito maior do que imaginávamos. 

Foto: Júlio Carignano
Professores estão parados desde o último dia 16; A greve foi aprovada por unanimidade

Segundo a UOL, além da greve dos professores, funcionários terceirizados estão a ponto de serem dispensados e há ainda ameaça de corte de energia nas universidades do Estado. E para piorar, caso o governo não repasse 124 milhões de reais para custear as despesas, quatro das sete universidades públicas podem fechar as portas.

São elas: a Unespar (Universidade Estadual do Paraná), Uenp (Universidade Estadual do Norte do Paraná), Unioeste (Universidade Estadual do Oeste) e Unicentro (Universidade Estadual do Centro-Oeste).

Ainda de acordo com o portal, a solução para a crise pode vir de uma reunião nesta terça-feira, 24, entre os reitores das estaduais e o governador Beto Richa (PSDB). Conforme o secretário estadual de Ciência e Tecnologia, João Carlos Gomes, há otimismo por parte do governo. "Não vemos nenhum risco de fechamento. Claro que a situação é delicada, mas resolvida. Esperamos, até abril, repassar 30% do custeio. Mas vamos conversar", diz.

Apesar da perspectiva dos 30% da pasta de Ciência e Tecnologia, até o momento foi confirmado o repasse, por parte da Secretaria de Fazenda, de apenas R$ 2,4 milhões e a perspectiva de liberação de mais R$ 9 milhões para custeio das instituições.

Indignado com a crise em que se encontra a Educação no Estado, o Professor Universitário de Foz do Iguaçu, Claudio Roberto Marquetto, resolveu escrever uma Carta Aberta ao governo do Paraná em sua página no Facebook, leia na íntegra:

 “Caros representantes políticos do povo paranaense, esta carta é para todos vocês, sim, para cada um dos que de alguma forma compõem a representação dos interesses dos cidadãos deste estado, vocês governam o Paraná. Eu me dirijo a todos, pois acredito que os rumos deste estado serão decididos pela atuação conjunta de todos vocês. Quero dizer-lhes da nossa preocupação com o futuro deste estado, que sempre foi, e ainda é, uma das maiores forças produtivas deste grande país. Um país trabalhador, cheio de força e vitalidade, que luta diariamente contra desafios diversos, que até hoje têm sido superados com a fibra e a garra de um povo que não desiste. Somos BRASILEIROS!

Entendo que o nosso estado enfrenta um momento político e econômico delicado, que pede uma ação emergencial. No entanto, não posso concordar que se resolva um problema construído por anos de má administração, pela falta de ação para corrigir falhas em um sistema de arrecadação, por decisões equivocadas na aplicação de recursos que permitiriam o crescimento sustentável de um estado que ainda é, sem sombra de dúvida, dinâmico o suficiente para se adaptar e continuar produzindo para todos, para que possamos viver com DIGNIDADE.

Não se pode continuar resolvendo as dificuldades que surgem atacando o sustento do trabalhador paranaense. Se toda vez que buscarem soluções, vocês avançarem sobre a população com aumento de impostos e agressões aos direitos dos trabalhadores, acabarão por destruir um dos pilares que sustentam verdadeiramente este estado, o trabalhador. Avançam ainda sobre outro importante fator de sustentação, a EDUCAÇÃO. Como se não bastassem todas as medidas abusivas que minam as forças produtivas deste estado com uma série de encargos desmedidos, estão em conluio para destruir o sistema de ensino paranaense em todos os níveis, não é à toa que a APP e todas as Universidades Estaduais estão em GREVE.

Noto claramente que existe um desejo de desinformar, confundir, misturar notícias, aproveitando momentos de distração para “fazerem o que bem entender”, para livrarem-se do problema sem no entanto resolvê-lo. Desistam, estamos atentos, não vamos permitir que isso aconteça. Não se esqueçam de que vocês não são chefes deste estado, mas apenas representantes, e nós, que estamos dizendo não ao desmantelamento da educação, somos os REPRESENTADOS.

Queremos sim mudanças, mas mudanças que assegurem os direitos do trabalhador e de todos os estudantes deste estado. Mudanças que garantam que a capacidade produtiva deste estado continue forte para a manutenção da vida e da liberdade das gerações futuras. Não as mudanças que nos estão sendo apresentadas nos últimos meses, que ao invés de resolver e melhorar a vida deste estado, jogam a “pá de cal” sobre o Paraná. Vocês estão querendo enterrar este estado, mas nós, os paranaenses, não vamos permitir, estamos VIVOS.

Convidamos a todos os cidadãos brasileiros, em especial os do estado do Paraná, para buscarem informações. Exijam esclarecimento das autoridades, consultem os projetos de lei, minutas e documentos relacionados com a educação para descobrirem que nossos representantes não estão nos representando, representam apenas os próprios interesses, aumentando cada vez mais suas regalias às custas de um povo que já não aguenta mais ser extorquido com medidas imorais, ainda que eles as tornem legais. CHEGA!

Caros políticos, ouçam o verdadeiro chefe deste estado, o povo paranaense. Precisamos de esperança, queremos educação. Queremos uma atuação responsável e séria por parte dos senhores. Não dá mais para adiar uma solução consistente para este estado. Trabalhem comprometidamente, busquem ouvir e apoiar-se naqueles que entendem como funciona a “vida de verdade”, os seus eleitores. Mudem agora, sejam honestos e conscientes no que fazem, ou vocês enfrentarão não apenas a greve dos paranaenses, mas a força de uma verdadeira REVOLUÇÃO!

Assinado: Um Paranaense, Professor Universitário, que confia muito nos paranaenses, que acredita e aposta no PARANÁ”.

 

 

Recomendado para você

Anúncio

Rodízio de massas - Noite Italiana

Anúncio

Anúncio

Anúncio

Anúncio da revista D!VA

Categorias

Anúncio

City Tour Foz do Iguaçu

Assine

Logo do ClickFoz