contato@clickfozdoiguacu.com.br

(45) 3521-4041

Rua Venanti Otremba, 772. Sala 1.

CEP 85852-020 - Foz do Iguaçu

Paraná - Brasil

© Copyright - 2017 Foznet Soluções Digitais - Todos os direitos reservados.

Anúncio

Foz do Iguaçu

Servidores Federais paralisam trabalhos nesta quarta-feira, 27 Com apitos e muito barulho, manifestantes reivindicaram o direito a Indenização de Fronteira

Com apitos e muito barulho, manifestantes reivindicaram o direito a Indenização de Fronteira


Por: Lauane de Melo

Publicado em:

Na manhã desta quarta-feira, 27, vários servidores públicos, da Receita Federal, Polícia Rodoviária Federal, Polícia Federal, Fiscais do Trabalho e do Ministério da Agricultura, fizeram um ato pacífico em frente à aduana brasileira entre o Brasil e o Paraguai.

Com apitos, faixas e até fogos de artifícios, os trabalhadores reivindicavam a regulamentação da lei que criou o adicional de fronteira, entretanto, que ainda não foi colocado em prática. A manifestação acontece em diversas delegacias do Brasil, localizadas em faixas fronteiriças. Por quase duas horas, os cerca de 120 manifestantes entregaram panfletos informativos aos motoristas e se concentraram na divisa dos dois países.

Em 2011, a Presidência da República lançou um Plano Estratégico para reforçar a segurança e promover ações nas áreas de fronteira. Porém, as medidas que atenderiam diretamente os servidores fronteiriços, conforme informou a delegacia sindical de Foz do Iguaçu, até hoje, não foram realizadas.

Por isso, a principal reivindicação dos servidores é para que seja regulamentada a Lei 12.855, que foi sancionada há três meses. O regulamento consiste na chamada Indenização de Fronteira. Esta da o direito ao trabalhador a receber 91 reais a mais no salário, a cada jornada de oito horas trabalhadas em postos de fronteira.

Como hoje não há diferenciação nos salários, a maioria dos servidores não opta por trabalhar nas divisas do país. Por isso, estas áreas possuem um déficit de funcionários, o que dificulta na fiscalização dos produtos que ingressam ao Brasil. Atualmente, cerca de 5 mil servidores têm direito ao benefício, mas ainda não recebem.

 

 

Recomendado para você

Anúncio

Rodízio de massas - Noite Italiana

Anúncio

Anúncio

Anúncio

Anúncio da revista D!VA

Categorias

Anúncio

City Tour Foz do Iguaçu

Assine

Logo do ClickFoz