contato@clickfozdoiguacu.com.br

(45) 3521-4041

Rua Venanti Otremba, 772. Sala 1.

CEP 85852-020 - Foz do Iguaçu

Paraná - Brasil

© Copyright - 2017 Foznet Soluções Digitais - Todos os direitos reservados.

Anúncio

Foz do Iguaçu

Stress: Pesquisa aponta que 61% dos profissionais estão parcialmente satisfeitos e frustrados ao mesmo tempo Estudo da Weigel Coaching com mais de 500 colaboradores de grandes, médias e pequenas empresas mostra também que 41% consideram suas vidas equilibradas e 47% desejam mais valorização e reconhecimento sobre seus resultados

Estudo da Weigel Coaching com mais de 500 colaboradores de grandes, médias e pequenas empresas mostra também que 41% consideram suas vidas equilibradas e 47% desejam mais valorização e reconhecimento sobre seus resultados


Por:

Publicado em:

Nos últimos anos, o desequilíbrio entre vida pessoal e profissional foi apontado como uma das principais causas do stress. Porém, um levantamento recente feito pela Weigel Coaching, empresa especializada em comportamento e desenvolvimento de pessoas e equipes corporativas, apresenta um cenário diferente. O estudo, baseado em mais de 1.500 horas em atendimento e mais de 500 profissionais analisados junto aos departamentos de alta gerência e Recursos Humanos de empresas como Behr Brasil, Crawford Brasil, Grupo Melo Cordeiro, Ara Vartanian, Bradesco, Johnson & Johnson e empresas de pequeno e médio porte, mostra que um novo fator chama a atenção do mercado: a causa do stress atual não se dá por meio do desequilíbrio e sim pela frustração.

Na pesquisa elaborada pela Weigel Coaching, somente 15% dos colaboradores se mostraram completamente contentes com seu trabalho, enquanto que 61% estão parcialmente satisfeitos e apontaram um sentimento evidente de frustração. Apenas 4% estão totalmente insatisfeitos, enquanto que 20% dos profissionais se recusaram aderir à pesquisa ou responderam de forma duplicada, o que invalida a avaliação.

O estudo ainda apresenta os dados com relação ao equilíbrio entre vida e trabalho. Dos pesquisados, 56% acreditam que sua vida está parcialmente equilibrada, 41% que está equilibrada e somente 3% acham que está desequilibrada.

Na mesma amostra, 47% dos participantes desejam valorização e reconhecimento; 21% querem oportunidade de crescimento; 19% apreciam um ambiente agradável; 7% almejam melhor remuneração e benefícios, enquanto que 6% gostariam de mais aprendizado.

Jaqueline Weigel, diretora-geral da Weigel Coaching, afirma que a frustração apresentada na pesquisa se dá, principalmente, por causa falta de percepção com relação ao panorama das empresas, de suas demandas, gestores, a baixa capacidade de gerenciar o tempo e de fazer as entregas de resultados esperados. “De forma não estruturada, muitos profissionais questionam qual é o retorno que terão pelo esforço extra e pelo aumento das responsabilidades assumidas. Sabemos que exigir mais resultado sem dar condições para tal causa um imenso desconforto”, comenta a especialista.

Para ela, existem variáveis que podem estar gerando essa frustração atual. Na avaliação de Jaqueline, alguns itens vêm se destacando nesse panorama, como: ausência de transparência em relação aos objetivos da empresa; falta de clareza quanto as responsabilidade de cada cargo e como a atitude de cada profissional afeta o ambiente; falta de foco e priorização de projetos corporativos; falta de um projeto de vida, onde o plano de carreira se apóie, e a extrema falta das habilidades comportamentais.

Jaqueline Weigel considera que cada um desses aspectos gera um impacto negativo de grande ou pequeno porte e afeta o resultado corporativo. Para ela, reduzir equipes como forma de corte de custos é a fórmula de fracasso. “Demitir pessoas para reduzir gastos e tentar aumentar os resultados é um método ineficaz e arcaico. É hora de definirmos melhor nossos papéis no trabalho, no cenário corporativo e no mundo, e é o momento das empresas entenderem as reais necessidades de seus liderados”, afirma. De acordo com Weigel, só o próprio profissional pode achar respostas e saídas para sua carreira. Já a empresa influencia o ambiente e os métodos de gestão determinam todo o comportamento do grupo de pessoas dessa organização.

Recomendado para você

Anúncio

Rodízio de massas - Noite Italiana

Anúncio

Anúncio

Anúncio

Anúncio da revista D!VA

Categorias

Anúncio

City Tour Foz do Iguaçu

Assine

Logo do ClickFoz