contato@clickfozdoiguacu.com.br

(45) 3521-4041

Rua Venanti Otremba, 772. Sala 1.

CEP 85852-020 - Foz do Iguaçu

Paraná - Brasil

© Copyright - 2017 Foznet Soluções Digitais - Todos os direitos reservados.

Anúncio

Foz do Iguaçu

Técnica que revoluciona terapia de aneurismas está disponível em Foz Procedimento está sendo implantado no Hospital Costa Cavalcanti

Procedimento está sendo implantado no Hospital Costa Cavalcanti


Por: Lauane de Melo

Publicado em:

Uma nova técnica está disponível para o tratamento de doenças vasculares neurológicas e periféricas em Foz do Iguaçu. O Hospital Ministro Costa Cavalcanti realizou na última semana, em um paciente de 47 anos, um procedimento que usa alta tecnologia de equipamentos e prótese especial para tratar um aneurisma cerebral gigante, através de técnica menos invasiva, por meio de cateterismo que promove a reconstrução da artéria sem cortes, sem cirurgia aberta.

 

O método consiste no implante de um dispositivo tubular (stent), feito de um material biocompatível, através de técnica de cateterismo arterial por uma pequena punção na região inguinal (virilha). “Após a colocação do stent, o fluxo sanguíneo sofre uma reorientação e a entrada de sangue dentro do aneurisma diminui até o fluxo ser totalmente bloqueado, abolindo de imediato o risco de rompimento do aneurisma com Acidente Vascular Cerebral Hemorrágico (AVCH). Em três a seis meses ocorre a reconstrução total da parede do vaso”, explica o radiologista intervencionista, Dr Allan Gurgel.

É preciso enfatizar que não são todos os casos os passíveis de realização desta técnica, sendo indicada em casos selecionados e, ainda nos casos onde não é possível o tratamento apenas com stent, é possível a conjugação de tratamentos intervencionistas e cirúrgicos menos invasivos, diminuindo a necessidade de operações complexas, reduzindo o trauma cirúrgico e o tempo de procedimento e recuperação.

Todo o procedimento é realizado em cerca de uma hora no Setor de Hemodinâmica, pelo Serviço de Angioradiologia e Radiologia Intervencionista sob visualização, em tempo real, por radioscopia com subtração digital. Esta tecnologia utiliza raios-X para a visualização seletiva das artérias do corpo, opacificadas pela contraste iodado. “Esperamos poder oferecer tal tratamento com mais frequência, pelas vantagens que apresenta para o paciente, como menor morbidade, recuperação mais rápida com retorno a atividade laboral. Com aquisição feita do novo equipamento de hemodinâmica, que está em fase de instalação, teremos condições de ampliar a qualidade e resolutividade destes procedimentos para patologias ainda mais complexas”, explica o médico.

Segundo o Dr Gurgel, o paciente se recupera da anestesia na sala de procedimento, e, via de regra, pode ir pra casa um dia depois. “O paciente não tem sintomas próprios do pós-operatório, nem risco de complicações inerentes a cirurgia aberta, como de infecção, complicações hemorrágicas por manipulação do aneurisma, problemas relacionados a cicatrização, dor pós operatória, etc. Os cuidados incluem a manutenção de remédios e com o local de punção na região inguinal, perfeitamente controláveis.

Os benefícios são de evitar cirurgias com alta complexidade e morbidade (quando o próprio tratamento ocasiona desconforto e risco de complicações para o paciente). Ele destaca ainda que existem outros benefícios, “pois há menor tempo de internação, menor custo financeiro e social, com retorno precoce ao trabalho, aos familiares, e menor custo total com a estrutura de assistência hospitalar”. JFS recebeu alta no dia seguinte ao procedimento e passa bem.

 

Recomendado para você

Anúncio

Rodízio de massas - Noite Italiana

Anúncio

Anúncio

Assine

Categorias

Anúncio

City Tour Foz do Iguaçu

Anúncio

Anúncio da revista D!VA
Logo do ClickFoz